"As gravações de Moro com procuradores, o desmatamento da Amazonia, as ofensas do Bolsonaro a Macron e Merkel, pouco a pouco vão empurrando o Lula para ganhar o Nobel da Paz", postou o ex-senador Cristovam Buarque.
247  As revelações de que o ex-presidente Lula foi alvo de uma farsa judicial e os abusos de Jair Bolsonaro contra o meio ambiente ampliam as chances de que o ex-presidente Lula receba o Prêmio Nobel da Paz. A avaliação é de um de seus desafetos, o ex-senador Cristovam Buarque. "As gravações de Moro com procuradores, o desmatamento da Amazonia, as ofensas do Bolsonaro a Macron e Merkel, pouco a pouco vão empurrando o Lula para ganhar o Nobel da Paz", disse ele, em suas redes sociais. 


FONTE:  BRASÍLIA