4° Reflexão: Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados: ficar em casa nestes dias em busca do essencial e longe de qualquer bulimia. A nossa fome e sede de justiça podem e devem passar, então, por um saudável discernimento e, sobretudo, pela inteligência de quem busca a fonte da verdade.

Fonte: Boletim diocesano de Turim- Edição 486- março de 2020- pagina 16.